Páginas


“SÓ PUBLICAMOS TRABALHOS RELACIONADOS COM A ORDEM MAÇÔNICA”

ACEITAMOS A OPINIÃO DE TODOS, DESDE QUE O COMENTÁRIO SEJA ACOMPANHADO DE IDENTIFICAÇÃO E UM E-MAIL PARA CONTATO.


“NÃO SERÃO ACEITOS COMENTÁRIOS ANÔNIMOS”

terça-feira, 9 de agosto de 2011

O QUE É UM MESTRE INSTALADO?


Mestre Instalado

    É a condição de destaque da liderança, da confiabilidade do espírito fraterno, do respeito às diferenças individuais, ao homem, ao irmão.

    É o prêmio da consciência iniciática de um Mestre Maçom, atestada e sufragada pelos seus irmãos em pleito legal e legitimo confirmada em cerimônia privativa dos Mestres Instalados, ocasião em que lhe são confiados os segredos e as chaves mágicas indispensáveis a um pleno e eficaz exercício daquela liderança conquistada.

    É a maior das honrarias, o maior desafio e a maior oportunidade com que se depara o maçom no seu evoluir.

    É aquele momento em que o Mestre não mais se preocupa em desbastar a sua própria pedra bruta, mas sim, em proporcionar aos irmãos uma maneira mais suave de desbastarem as suas.

    É viver o amor, o doar, o respeitar, o linimento na dor, a mão estendida, a luz na escuridão, é o renovar da alegria, é a palavra amiga, o ouvido ouve.
    É também  voz que cobra, o exemplo que norteia, que estabelece limites, o voto de Minerva, a decisão.

    É pois preciso, que muito mais do que todo e qualquer mestre, o Mestre Instalado se conscientize do peso de suas atitudes e palavras, pois é ele a liderança de muitos e, aquilo que ele sinaliza tem força e peso maiores, podendo contribuir, decisivamente par a construção da obra precípua da maçonaria, o homem justo e perfeito, e sua inserção no conjunto que lidera.

    Deve, por isso mesmo, adotar uma postura sóbria, responsável, construtiva e coerente com o alto posto com que fora honrado, pautando sua conduta e atitudes em consonância com os ditames e preceitos nobre da fraternidade maçônica.

    Tal procedimento, no entanto, deve observar fielmente as leis que norteiam e protegem tanto a Ordem Maçônica como a seus membros.

    É inadmissível, pois, que um maçom, e muito menos aquele distinguido com tamanha honraria, mesmo por brincadeira, "UM LÍDER NÃO BRINCA", contribua ou faça qualquer ato ou atitude que possa manchar, denegrir, macular ou menoscabar a imagem de todo e qualquer irmão, quer no âmbito da Loja, da Maçonaria, da família ou mesmo do mundo profano, o que com fulcro nos próprios juramentos prestas, o tornariam um perjuro para o G.'.A.'.  D.'.  U.'.  desonrado para com os homens, indigno portanto de ocupar o alto posto de liderança dos irmãos.   

    A todos nós maçons do Aprendiz ao Mestre Instalado, deixamos esta palavra de alerta, para que pautemos sempre nossos atos palavras e atitudes, dentro dos parâmetros justos e perfeitos de nossa sublime instituição.

                                            José Edson de Andrade MI
VM\da ARLS Arca da Aliança n° 229  -  GOB/MG



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários anônimos não serão ACEITOS. Deixe seu nome completo e e-mail para resposta.
Contato: foco.artereal@gmail.com

Postagens populares