Páginas


“SÓ PUBLICAMOS TRABALHOS RELACIONADOS COM A ORDEM MAÇÔNICA”

ACEITAMOS A OPINIÃO DE TODOS, DESDE QUE O COMENTÁRIO SEJA ACOMPANHADO DE IDENTIFICAÇÃO E UM E-MAIL PARA CONTATO.


“NÃO SERÃO ACEITOS COMENTÁRIOS ANÔNIMOS”

quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

O NASCIMENTO DAS RELIGIÕES


 As religiões surgiram pela necessidade do homem de explicar a natureza e seus fenômenos, assim em sua ignorância científica o homem passou a cultuar aquilo que era inexplicável, mas ele sentia que influenciava sua vida, então ele passou a adorar os astros (astrolatria), nessa fase já surgiram os primeiros espertalhões, os magos e sacerdotes, que através de mágicas e um conhecimento pouco maior da própria natureza, passaram a viver à custa dos demais, influenciar sua tribo e seus lideres, assim passaram a dominar seu grupo e dando ênfase, muitas vezes, as suas sanguinárias personalidades, passaram a dizer que os deuses exigiam sacrifícios humanos e/ou materiais. 

Com o crescimento do conhecimento humano, os primeiros ídolos se dissolveram no barro, e surgiram as fases da adoração aos animais, por suas características físicas e suas capacidades de agirem na natureza, e/ou as divindades híbridas, uma mistura de formas humanas com formas animais, ai também aparecem os magos e sacerdotes, dominando, através de suas mágicas e truques, os grupos e sociedades, passando a viver nababescamente a custa das ofertas, sacrifícios e taxas pagas as divindades, esses sacerdotes tiveram uma influência muito grande na vida das comunidades e até no desenvolvimento do conhecimento humanos, pois com seus truques criavam barreiras ao entendimento da natureza, inculcando o medo e os preconceitos entre o povo. 

Com os fenômenos da natureza sendo cada dia mais entendidos, os fenômenos físicos estavam sendo explicados e entendidos, então o homem mergulhou novamente na busca da explicação de fenômenos que transcendiam as características físicas na natureza, o homem voltou toda sua atenção ao que denominou de espiritual, tentando explicar esse novo homem que demonstrava possuir em seu Ser, algo mais que a simples forma física. Parte para, através da filosofia e da teologia, explicar o que é o Ser não material, qual sua procedência, imanência e perenidade, então novamente o homem termina criando novos preconceitos e místicas, criando uma divindade a que ele atribui todas as qualidades humanas, uma divindade que AMA e ODEIA que CRIA e DESTRÓI que é uniciente, mas se surpreende com as ações e atitudes do homem que ela criou... 

Na verdade a consciência humana não tem como entender ou explicar DEUS e seus desígnios, ELE é inefável e incognoscível, então novamente um grupo de expertos surge para se colocar, novamente, como interlocutores com a divindade, se colocam, por ignorância ou esperteza, como portadores e executores dos desígnios Divinos, e dando vazão as suas idiossincrasias, roubam, mentem, matam, enganam, etc., a humanidade. 

Muitos já morreram, estão morrendo e ainda vão morrer, em nome de Deus! Os preconceitos, o orgulho, a hipocrisia, etc., faz com que o homem acredite que o seu Deus é o único e verdadeiro, que todas as formas de divindade são falsas e mentirosas. Assim ele está pronto para morrer ou matar por um Deus que em princípio deveria ser vida! E não adianta ficar tentando justificar nenhuma religião, pois todas elas são HUMANAS, todas elas foram criadas por HOMENS, que se colocaram como mensageiros da Divindade, e todas elas, no presente e/ou no passado usaram a força, a violência e mataram em nome do SEU DEUS, eu disse todas elas, é só estudar a história da humanidade, que vamos encontrar relatos e mais relatos de guerras santas, violências praticadas em nome de Deus, genocídios, etc., etc., e sempre existiram os profetas, sacerdotes, magos, teólogos e outras peças, para induzir os homens a crerem no que eles acreditam ou fingem acreditar, para dominá-los e explorá-los. 

Em nome de QUALQUER DEUS homens irão matar e morrer, em NOME DE UM DEUS QUALQUER muitos espertalhões ainda irão viver e enriquecer! Claro que toda regra tem exceções e existem, alguns poucos, muito poucos, que ainda são movidos por bons preceitos e procuram dar ao Deus que eles crêem e aos outros amor, e dedicam suas vidas a sua causa, em geral, essas pessoas morrem muito pobres e vivem longe, muito longe, do dinheiro, do poder e das coisa materiais! 

Deus não está na OPULÊNCIA, mas na HUMILDADE! O verdadeiro Deus não está fora do homem, em qualquer templo, igreja, catedral, etc., seja ela riquíssima ou pobre, o nosso Deus está dentro de cada um de nós, e Ele é único, é pessoal, É SEU! SOMENTE SEU! E, portanto, ele só está em você, em seu SER! Não adianta procurar Deus em qualquer igreja, religião ou seita, pois se você não encontrá-lo em si, nunca vai achá-lo. As leis, normas, padrões, valores humanos, não são normas divinas, a Divindade não toma parte da forma física do homem, a matéria apenas encarcera o espírito, que sofre, quando ele está desenvolvido, preso a matéria, que o faz sofrer pela ausência da liberdade.

O verdadeiro crescimento não é o material, mas aquele que transcende a matéria. Não estou dizendo que devemos abandonar a vida material, ao contrário, acredito que devemos aproveitá-la e viver o mais intensamente que possamos, mais lembrando que Deus não está em nada material, que caixão não gaveta ou cofre forte, e que o importante e viver de tal forma que quando partirmos alguns possam sentir nossa ausência e reconhecer - ele (a) era uma boa pessoa - o importante é que nossa vida possa ter contribuído de alguma forma, para transformar o mundo em algo melhor, que possamos ter contribuído para o crescimento da humanidade, que possamos ter contribuído para transformar a vida de alguém em uma vida melhor! O resto tudo e especulação e só serve para alguns, como sempre, desde a pré-história, dominar e viver a custa dos outros!



3 comentários:

  1. Nossa texto maravilhoso, direto e claro.Muito Obrigada resumindo Deus é liberdade, liberdade essa q se encontra dentro de nós de forma amorosa e divina

    ResponderExcluir
  2. Atraves de atos humanos e de amor ao proximo se glorifica à DEUS. Parabens pelo texto Ir.'.
    T.'.F.'.A.'.

    ResponderExcluir
  3. É através de nossoas atos de caridade e amor ao proximo que glorificamos nosso Ser Supremo. Parabens pelo texto Ir.'.
    T.'.F.'.A.'.

    ResponderExcluir

Comentários anônimos não serão ACEITOS. Deixe seu nome completo e e-mail para resposta.
Contato: foco.artereal@gmail.com

Postagens populares