Páginas


“SÓ PUBLICAMOS TRABALHOS RELACIONADOS COM A ORDEM MAÇÔNICA”

ACEITAMOS A OPINIÃO DE TODOS, DESDE QUE O COMENTÁRIO SEJA ACOMPANHADO DE IDENTIFICAÇÃO E UM E-MAIL PARA CONTATO.


“NÃO SERÃO ACEITOS COMENTÁRIOS ANÔNIMOS”

quarta-feira, 28 de maio de 2014

INICIAR UMA NOVA JORNADA NA VIDA DO HOMEM



No inicio da humanidade o homem teve o privilégio de ser o principal animal do planeta, dotado de raciocínio próprio e o Supremo Arquiteto do Universo abençoou com o Lívre Arbítrio.

A inteligência humana foi a responsável  por vários desvios de conduta da humanidade, mas já se travava uma batalha do bem contra o mau, onde nessa guerra sugiram grandioso, teólogos, filósofos. Sacerdotes, etc. Que se tornaram valiosos lutadores, os guerreiros do bem e da justiça.

Com esses pensamentos voltados para o bem social, criaram uma sociedade onde apresentava duas fases, a operativa e a especulativa, onde a segunda seus adeptos são homens de pensamentos.

Tendo um alheio conhecimento da Ordem Maçônica, onde na verdade tudo estaria na obscuridade, recebi o convite e pude refletir que estava dando um novo passo na minha historia.

Chegado o dia em que me preparei para a minha iniciação, onde tudo seria novo, adentrei no prédio e pude na verdade concretizar meu pensamento de que tudo era inédito na minha vida, me foi tirado à visão repentinamente, pensei e agora, seja o que Deus quiser, limitei somente a concentrar-me no meu objetivo, colocando pensamentos positivos, para não deixar também minha mente na escuridão. O desejo de mudança social e espiritual era tremendo, e que todo barulho ao meu arredor era meramente um obstáculo, onde eu me encontrava preparado para superá-lo.

Passado bom tempo em um lugar incerto, ouvi a voz de um colega que me deixou tranquilo, era do meu Amigo e agora Irmão Carlos Rios.

Quando fui levado a fazer umas viagens, o momento mais importante e a hora de maior reflexão principalmente quando ecoava uma voz com perguntas e respostas: “como pode ele conceber tal propósito”, imediatamente outra voz respondia “ele é livre e de bons costumes”, nessa hora passa um filme na mente, que responsabilidade agora me proponho, mesmo sem a luz, tinha-se a impressão que estava fazendo a viagem mais importante da vida, a importância da água do fogo, onde a água purificava do mundo e o fogo queimava e destruía os obstáculos que teria no porvir, abrindo os caminhos para o renovado processo de compromisso com o nosso próximo mais próximo.

Com o advento da luz, acendeu a chama do compromisso da responsabilidade, que aquele antigo profano, agora já transformado em neófito, estaria agora compromissado com três elementos esteio da Ordem, Liberdade, Igualdade e Fraternidade.

Hoje novinho me encontro em processo de regeneração, convicto que a marca de um legitimo obreiro da humanidade, é possuir o Coração sensível ao bem.

Concluo sugerindo que toda renovação de qualquer sociedade organizada, deverá haver um acompanhamento dos seus mestres, para que possa edificar verdadeiramente o obreiro na causa primordial da nossa Ordem.

Que, S:.A:.D:.U:.; possa nos conduzir e dar-nos a verdadeira direção para o nosso crescimento, dentro de nossa missão altruística, em nossa luta inglória em favor da Liberdade, Igualdade e da Fraternidade.

 Encerro com uma frase de um pensador e filosofo Alemão “A ação mais alta da vida livre, é nosso poder para avaliar os valores”.

Paulo Henrique da Silva - A:. M:.
A:.R:.L:.S:. São João da Escócia - 1587
Coroatá – Rito Brasileiro - GOB


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários anônimos não serão ACEITOS. Deixe seu nome completo e e-mail para resposta.
Contato: foco.artereal@gmail.com

Postagens populares