Páginas


“SÓ PUBLICAMOS TRABALHOS RELACIONADOS COM A ORDEM MAÇÔNICA”

ACEITAMOS A OPINIÃO DE TODOS, DESDE QUE O COMENTÁRIO SEJA ACOMPANHADO DE IDENTIFICAÇÃO E UM E-MAIL PARA CONTATO.


“NÃO SERÃO ACEITOS COMENTÁRIOS ANÔNIMOS”

quarta-feira, 7 de janeiro de 2015

COMO PODEMOS ALCANÇAR O SEGREDO MAÇÔNICO?



Quais são os Segredos Maçônicos?

Os sinais, toques e palavras?

Sim, esses são os Segredos!

Esses são os Segredos no plural, mas existe o Segredo no singular.

E que Segredo é esse?

Os dos graus filosóficos da Maçonaria, os chamados altos graus?

Conhecemos algum Segredo nos graus superiores?

Todo Maçom do grau 33 conhece o Segredo?

Mas depois de tantos anos de escalada Maçônica, um grau 33 não conhece o Segredo?

Como? Por quê? Existe realmente um Segredo?

É evidente que existe!

Tudo na vida tem os seus segredos, os seus mistérios, o desconhecido, o confidencial.

Existem os segredos profissionais, os comerciais, os industriais, os religiosos e muitos outros. Portanto, se somos detentores de um Segredo, não o somos de muitos outros!

Não temos nem mais nem menos segredos do que os profanos têm.

E qual é o nosso Segredo?

Esse Segredo tão bem guardado que poucos, muito poucos, o descobrem?

Sim, é descobrindo que se conhece o Segredo. Ele não é revelado! Quem descobre o Segredo não o revela a ninguém. A ninguém, em nenhuma circunstância!

O grande Segredo é na verdade um Segredo muito simples.

Está ao alcance de qualquer um. Por isso precisa ser ocultado sob as mais diversas formas. Precisa estar velado sob os mais diversos símbolos. Precisa ser valorizado.

O Segredo precisa ser segredo para que quem o encontre lhe dê a devida importância. Em outras palavras, se todos soubessem o Segredo, além de obviamente não ser mais segredo, ninguém por ele se interessaria.

 Ninguém procuraria o verdadeiro sentido dele. Ninguém lhe daria a importância que tem. Um Grande Mestre há mais de dois mil anos nos ensinou que “não se dá pérolas aos porcos”.

Pois bem, temos um Segredo. Um Segredo simples. Um Segredo ao alcance de qualquer um. Um Segredo que não é revelado. Um Segredo que é descoberto. Um Segredo que é individual. Então, não tem sentido perguntar qual é o Segredo e sim como podemos descobri-lo.

E como podemos descobrir o Segredo? Cumprindo nossas obrigações Maçônicas. Frequentando regularmente a Loja. Visitando outras.

Seguindo a ritualística sem dela nos afastarmos. Estudando o que os Rituais dizem que devemos estudar. Executando com perfeição as tarefas que nos são cometidas. Exercendo os cargos para os quais fomos eleitos ou nomeados com seriedade.

Compreendendo, estudando e aprofundando o sentido de toda a simbologia.

Não nos limitando a aceitar as verdades que outros dizem ser a verdade. Enfim, não apenas ostentando o título de Maçom.

Um Maçom é um Maçom, um pedreiro especulativo construtor de si e da Sociedade. Quando um Maçom se torna verdadeiramente um Maçom, sua busca terminou. Ele encontrou o Segredo. Como revelá-lo a quem não se iniciou nos Mistérios da Maçonaria? Como transmiti-lo a quem entrou para a Maçonaria, mas não conseguiu ainda ser Maçom?

Quem descobre o Segredo não o revela a ninguém.

A ninguém, em nenhuma circunstância! O Segredo é individual e intransmissível!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários anônimos não serão ACEITOS. Deixe seu nome completo e e-mail para resposta.
Contato: foco.artereal@gmail.com

Postagens populares