Páginas


“SÓ PUBLICAMOS TRABALHOS RELACIONADOS COM A ORDEM MAÇÔNICA”

ACEITAMOS A OPINIÃO DE TODOS, DESDE QUE O COMENTÁRIO SEJA ACOMPANHADO DE IDENTIFICAÇÃO E UM E-MAIL PARA CONTATO.


“NÃO SERÃO ACEITOS COMENTÁRIOS ANÔNIMOS”

quarta-feira, 11 de novembro de 2015

O DECÁLOGO DA IDENTIDADE MAÇÔNICA:




1.    O lar do Maçom é a Terra; sua Pátria o Mundo; sua família a humanidade; seu Deus o Grande Arquiteto do Universo.

2.     O Maçom reconhece que é o elo definitivo entre o finito da materialidade e o infinito da espiritualidade.

3.     O Maçom está pronto a abandonar sua natureza animal e abraçar definitivamente sua natureza humana.

4.    O Maçom sabe que desbastar e polir a pedra que lhe foi entregue pelo GADU é compartilhar do Processo de Criação.

5.    O Maçom sabe que depois de aparada e polida essa pedra, pode ela ainda não ser útil à construção de um Templo de Verdade e Justiça; mas, se chamado, estará pronto a exercer seu papel conforme a vontade do GADU.

6.    O Maçom sabe que a interação com a vida danifica e deforma sua estrutura e por isso acorre à Ordem para retificá-la contínua e repetidamente.

7.    O Maçom sabe que em suas atitudes revela as qualidades/defeitos que nem sempre está pronto a considerar em si mesmo. Observa-as refletidas no semblante de seus Irmãos.

8.    O Maçom sabe que não presta contas a ninguém, a não ser ao mais impiedoso dos juízes: Ele próprio!

9.    O Maçom é reto por formação e coloca-se sempre aprumo para balizar o comportamento dos que o rodeiam.


10. O Maçom sabe que não lhe basta ser bom; há de ser sempre o melhor sem que isto lhe conceda qualquer mérito adicional.

S.'.F.'.U.'.
André Daniel .'.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários anônimos não serão ACEITOS. Deixe seu nome completo e e-mail para resposta.
Contato: foco.artereal@gmail.com

Postagens populares